BLACK PEEL

Proteger-se o envelhecimento da pele é atração física da maior parte das mulheres. Muita gente acha que é improvável batalhar em oposição a a atuação do tempo, porém saiba que isto já é possível, efetivamente. Aqui, no The Termas, nós possuimos alguns tratamentos que promovem a modernização telefone celular da pele. Um dos preferidos de nossas clientes é Peeling de Diamante.


O que é Peeling de Diamante?


Entre os vários tratamentos estéticos de rejuvenescimento da pele, o peeling é, sem dúvida, uma das técnicas mais conhecidas. e que é capaz de alimentar a pele a partir de o nível mais breve até o mais interessante. Ele causa uma esfoliação profunda da pele, removendo as células mortas, eliminando manchas e combatendo as rugas.


Vantagens do peeling de diamante

Saiba Mais: Sobre: Ácido hialurônico black peel,
possui características de um tratamento seguro


Por produzir uma esfoliação profunda removendo a mão mais breve da pele, o peeling de diamante traz vários vantagens para a beleza e saúde da pele, deixando-a mais forte, lisa, constante e rejuvenescida.


Remove as células mortas da pele ;
Estimula a fabricação de colágeno e elastina;
Elimina marcas e cicatrizes;
Ameniza rugas e marcas de expressão ;
Desobstrui e fecha os poros;
Auxilia no controle da oleosidade;
Benefício a absorvimento de dermocosméticos pela pele ;



O que é peeling de diamante e como ele funciona?


O peeling de diamante – similarmente chamado de microdermoabrasão – é um peeling braçal que utiliza um aparelho para corporificar uma microesfoliação na pele.


O essencial propósito do tratamento é dispensar as células mortas que se acumulam na mão mais breve da pele. Ele similarmente estimular a fabricação de colágeno, essencial proteína encarregado por permitir maneira, estrutura e estrutura à pele.


Qual é recomendação do peeling de diamante?


O peeling de diamante é recomendado destinado a pessoas que querem alimentar muitas imperfeições na pele consecutivos do envelhecimento, descrição fazenda e mais tipos de lesões.


Melanoses (manchas superficiais localizadas na couro );
Cicatrizes de acnes;
Rugas finas e marcas de expressão ;
Poros dilatados;
Estrias recentes, finas e avermelhadas.


O técnica pode ser realizado em qualquer tipo e tinta de pele, e em qualquer parte do corpo, embora de ser mais comum em tratamentos faciais. Tratamentos de rejuvenescimento do bocal e das mãos são exemplos de aplicação do corpo deste peeling.


Como é realizado o peeling de diamante?


O peeling de diamante é realizado com um aparelho de claro que tem uma ponteira com um diamante em sua beira, capaz de produzir o lixamento da pele.


Há 3 tamanhos de ponteira: 75 mícrones de diâmetro ( maior ); 100 mícrones (intermediária) e 150 mícrones ( menor ). As ponteiras de 100 e 150 mícrones fazem uma esfoliação mais agradável e são indicadas para tratamentos faciais, enquanto a de 75 mícrones age de maneira mais profunda na pele, funcionando bem em tratamentos corporais e que pedem mais intensidade, como estrias, por exemplo.


A princípio, é feita uma saneamento da pele e o profissional bota a ponteira de diamante sobre a setor de tratamento. Por isso a sugação comprime a pele em oposição a o diamante que desliza sobre ela, em movimentos circulares ou em série, tratando toda a região afetada, esfoliando e removendo a mão mais breve da pele.


É comum adaptar um dermocosmético depois de o peeling, já que o técnica benefício a personalidade da pele de esgotar esses ativos, explicando melhores resultados.


O técnica não é dolente e permissão a anestesia ou analgesia. Apenas em casos de tratamento bastante interessante, é possível que o paciente sinta um rápido pesar.


Após a aplicação do peeling de diamante, a pele pode entregar vermelhão e descamar por alguns dias. Estas são reações normais que indicam o processamento de modernização da pele.


O algarismo de sessões varia de 3 a 5, de acordo com o caso, com paragem de 15 dias entre sessões. Cada convenção possui duração média 30 minutos.


Afazeres no pós-tratamento


Depois de o peeling de diamante, a pele encontra-se mais bom e dessa forma requer afazeres especiais.
Ao longo a primeira semana, o paciente precisa lavar a pele com sabonete objetivo e hidratá-la com produtos indicados. Esses ajudarão no processamento de emenda da pele. No caso da pele ficar bastante bom e irritada, o utilização de água termal é recomendado para quietar a cútis.


É primordial evitar a descrição ao luz nos primeiros dias pós-tratamento e usar amigo fazenda com, ao menos, FPS 50, e reaplicação a cada quatro horas.
O utilização de mais produtos cosméticos, como ácidos e maquiagens, apenas precisa ser realizado uma semana após a aplicação do peeling de diamante para evitar irritações.


Contraindicações do peeling de diamante


Embora de não ser um tratamento bastante agressivo, o peeling de diamante não é recomendado destinado a pessoas que contem pele bom ou com rosáceas. Isto visto que a pele pode ficar também mais irritada e até advir manchas.


Indivíduos que contem lesões cutâneas e inflamações ativas, como acnes amarelas de nível íntegro, similarmente não precisam corporificar o técnica, uma vez que pode reforçar a incendimento ou até alastrar-se outras áreas, espalhando os microrganismos infecciosos pela pele.


O técnica não apresenta grandes riscas. As possíveis problemas estão associadas à descrição fazenda, que pode provocar manchas na pele, que estará bom após a esfoliação. Além disso, peelings bastante profundos são capazes de provocar pontos de sangramento que são capazes de se reintegrar futuras manchas na pele.


O peeling de diamante é um técnica sem riscos e que traz resultados significativos na visual e textura da pele. Não obstante, precisa ser realizado por um dermatologista e os devidos afazeres pós-procedimentos seguidos à risca, para que os resultados esperados sejam alcançados.

FONTE: https://www.r7.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial