DIA DE TIRAR O APARELHO DENTÁRIO: QUAIS OS CUIDADOS

Finalmente chegou um dos dias mais esperados Nesse sentido, para você: o da retirada do aparelho fixo. Agora sim as suas preocupações e cuidados acabaram, certo? Nada disso! Pelo contrário, a remoção do ferramenta é só mais uma etapa da correção da oclusão dentária e você precisa continuar fazendo as visitas de retorno ao seu dentista. Com a ajuda do ortodontista Sérgio Casarim, separamos alguns cuidados e fundamentais erros cometidos pelos pacientes deste período após a remoção do sistema ortodôntico.

Saiba Mais: Para manter o aparelho e os dentes saudáveis, é preciso um cuidado especial com a limpeza

Não exatamente. O ortodontista ressalta que  que a retirada do aparelho fixo significa que seus dentes estão na posição pretendida “Como eles estavam em outra posição, e os dentes são ‘presos’ por ossos e fibras, eles podem ter uma tendência a retornarem a sua posição inicial, ou seja, recidivar”. Então, após a remoção do aparelho fixo é muito fundamental seguir a orientação do seu ortodontista quanto ao uso de algum sistema de contenção, Nesse sentido, para que seus dentes não sofram essa reincidência.



COMO FUNCIONA A CONTENÇÃO



A técnica da contenção pode ser feita de várias formas podendo ser fixa ou móvel. “Existem muitos tipos e formas, mas todas têm o mesmo objetivo que é Conservar os dentes em sua posição final do administração enquanto o organismo se reestrutura (ossos e fibras) para Estabilizar os dentes em sua nova posição”, ressalta que  o ortodontista.

Algumas pessoas acreditam que as consultas de retorno após a remoção do aparelho não são necessárias e abandonam o período de contenção. “Isso pode ocasionar define uma alterações na posição dos dentes, as quais chamamos de recidiva”, afirma Sérgio. Então fique atento! A continuidade das consultas após a retirada do sistema é muito fundamental Nesse sentido, para o acompanhamento apropriada e orientação sobre o uso da contenção.



CUIDADOS NO PÓS-TRATAMENTO



O melhor cuidado para qualquer pós-tratamento é seguir a orientação do seu dentista. Segundo Sérgio, cada categoria de má oclusão inicial demandará um determinado tipo de contenção, tanto do ambiente de aplicação quanto do tipo de aparelho. “Se o sistema não for utilizado como o ortodontista orientou, os dentes podem movimentar-se para uma posição indesejada”. O que vale aqui, e nunca é demais lembrar, é sobre o produto vendido você deve sempre ir às consultas de retorno agendadas e tirar as maiores dúvidas com o seu ortodontista.

O ESPELHO SE TORNA SEU MELHOR AMIGO



Sim, você tem vontade de olhar o ambiente todo externo os seus dentes. Não é à toa que os espelhos, vidros de carros e o reflexos das vitrines de lojas se tornam seus melhores amigos. Foram tantos anos usando sistema que é difícil acreditar que você está sem o acessório agora. Mas, acredite, você conseguiu e seus dentes estão perfeitos. Sua única preocupação agora é praticar a qual Limpeza higienização e impermeabilização caprichada Nesse sentido, para mantê-los sempre assim… lindos.




A PRIMEIRA HIGIENE BUCAL É A MAIS ESPERADA




Parece até que você está escovando os dentes pela primeira vez na vida. A sensação das cerdas da escova transmitindo pelos seus dentes e gengiva é como se fosse uma massagem bem relaxante. O fio dental não demora tanto ambiente para passar como antes e o enxaguante bucal não muda: sem álcool e finaliza sua higiene presenvando a boca grande futuras bactérias invasoras. Bom demais, né? Lembre-se que todo esse cuidado precisa ser realizado depois de 30 minutos após as refeições, como a maioria dos dentistas indica. Depois disso é só sair espalhando seu sorriso repaginado por aí.

FONTE: https://www.r7.com


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *