O que trata estrias

Você sabe o que são estrias? Elas são formadas devido a um zanga do colágeno na superfície da pele e incomodam a maior parte das indivíduos que as contem, homens ou mulheres. Vamos anunciar mais sobre elas, os afazeres para evitá-las e similarmente amenizá-las, deixando seu corpo mais belo e bem atenção.

O que são estrias? No momento em que elas aparecem?

As estrias são cicatrizes que se formam em áreas propensas à entorse da pele, ou seja, no momento em que há exterminação de fibras elásticas e colágenas, que são responsáveis pela estrutura e flexibilidade da cútis. Essas fibras são feitas para suportarem um certamente divisa. Se ele for vetusto e elas forem esticadas de maneira excessiva, as estrias aparecem. Não há idade nem sequer volúpia específicos para o começo dessas marcas, uma vez que elas afetam homens, mulheres em idade adulta e até adolescentes. As regiões mais atingidas são os ancas, coxas, sedenho, culotes e mamas.

Saiba Mais: As Estrias surgem com a perda de elasticidade da nossa pele


Essas lesões costumam surgir em indivíduos com resultado harmónica ( recebido ou redução de peso de forma ágil ), desenvolvimento acelerado na abril, exagero de treinos, gestação, aplicação de implantes mamários, utilização de corticoides e ressecamento da pele. Conheça mais Seis Fatos sobre as Estrias em um conteúdo aqui no Beleza com Saúde!

Diferença entre estrias vermelhas e brancas

Você sabia que há diferenças entre as estrias vermelhas e as brancas? As vermelhas ( ou arroxeadas) são as mais recentes, já as brancas são as mais antigas, atróficas e com um rápido enrugamento, indicando que há já há um tempo.
As estrias vermelhas aparecem no momento em que a primeira mão da pele é esticada até podermos analisar a segunda (a couro ), que é aluvião de colágeno e vasos, responsáveis pela tinta avermelhada.

Elas também são capazes de ser tratadas e sua personalidade de se regenerar é grande, dessa forma há alguns tipos de afazeres que são capazes de aumentar a visual e até cicatrizar esse tipo de canelura.


Enquanto isto, as brancas são cicatrizes formadas pela ruptura das fibras da pele e essas frequentemente não contem tratamento, uma vez que uma vez formadas não desaparecem totalmente. Há tratamentos para estrias que trabalham formas de atenuá-las, melhorando sua visual e deixando a pele pouco acertada e enrugada, como lasers, dermoabrasão, dermaroller e peelings específicos.

Estrias na gestação

As estrias na gestação estão entre as principais preocupações de uma grávida no momento em que falamos de seu corpo, já que passam por várias mudanças hormonais e visuais. Com a evolução do bebê e o desenvolvimento da abdômen, a pele estica, causando essas marcas indesejáveis em algumas regiões do corpo, que são capazes de ser ocasionadas pela herança ou, especialmente, pelo recebido exagerado de peso.


A prevenção é o percurso mais sem riscos e assertivo para evitar as temidas estrias. Dessa maneira que a grávida souber da gestação, os afazeres com a pele precisam iniciar com o utilização de hidratantes específicos para a pele da grávida, abraçando óleos e ativos naturais, e evitando os com ureia em sua composto, que são contraindicados para gestantes.


Estilo de vida saudáveis, como ingerir água, preservar uma refeição saudável e a execução de treinos físicos colaboram para evitar as estrias. Além disso, mantenha o peso adequado para dificultar que elas apareçam e, similarmente, utilize um nata para estrias logo no início da gestação, que irá sobreavisar o começo delas, e mantenha essa cotidiano até o final.

Há tratamento para acabar com as estrias?

Há tratamentos como lasers, dermoabrasão, micropigmentação, lipoaspiração, peeling e cremes que ajudam na diminuição das estrias. Não obstante, esses precisam ser realizados logo no momento em que elas aparecem, incentivando reduzir o fachada das marcas, uma vez que as estrias vermelhas são as que respondem melhor aos procedimentos.

O tratamento dessas cicatrizes é um verdadeiro desacato, uma vez que precisa-se estimular a fabricação de colágeno e elastina, fundamentais para a flexibilidade da pele.

FONTE: https://www.r7.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *