Tipos de varizes

As varizes, similarmente chamadas de varizes tronculares ou veias varicosas são veias doentes, dilatadas, tortuosas e superficiais nas pernas ou coxas que afetam mais as mulheres. Estas são capazes de entregar ou não sintomatologia, não obstante, apresentam aproximadamente constantemente uma clara visual inestética que pode prejudicar com a entono do alucinado.


As varizes são mais grossas que os derrames, medindo mais de 3 mm de diâmetro. Os derrames, similarmente conhecidos por “vasinhos” (o nome técnico é telangiectasias) são vasos sanguíneos finos arroxeados ou azulados, medindo pouco que 1 mm de largura. Além deste tipo de varizes, há um outro tipo, conhecido por microvarizes ou varizes reticulares que medem entre 1 e 3 mm de diâmetro.


A maior parte dos pesquisas indica que as varizes são mais frequentes nas mulheres entre os 20 e os 50 anos de idade, tendendo a enfermidade a enxovalhar e as veias a dilatar com o mudar do tempo. Porém, são capazes de manifestar-se varizes na abril e em crianças, sendo que o reconhecimento de varizes em categorias etários mais jovens, vem sendo cada vez mais comum e pensa-se que será capaz de ter como motivos principais as modificações do estilo de vida da clube moderna.
As veias varicosas não são um dificuldade circulatório especial do volúpia feminil.

Similarmente há varizes nos homens

No volúpia masculino, o reconhecimento é realizado, habitualmente, mais tardiamente visto que os homens observam pouco as suas pernas, atrasam a jornada ao médico e contem pelos que dificultam a clareza das varizes.


Varizes – tipos, localização


As varizes, os derrames e as veias reticulares são capazes de manifestar-se em qualquer parte do corpo: frente, nariz, pescoço, busto, costas abdómen ( abdômen ), patas superiores, pecúlio escrotal (varizes escrotais), fole, esófago (varizes esofagianas), valor, etc.


Não obstante, a maior parte das varizes localizam-se habitualmente nos patas inferiores (nas pernas), podendo surgir somente numa perna ou nas duas, ou seja, podendo similarmente ser bilateral. Cerca de 70% das varizes são da submissão da disposição grande safena. A disposição grande safena é uma disposição que se estende da parte interna do artelho até à virilha. Dessa maneira se cheira que as indivíduos tenham constantemente varizes nos membro, nas pernas, nas coxas e nas virilhas.


Por sua vez, pouco surgem varizes na região anal – ânus, (varizes hemorroidárias) e na região pélvica (varizes pélvicas). As varizes hemorroidárias são veias dilatadas da região anal e que geram dor, obstipação, andaço e hemorragia.


As varizes pélvicas são veias grossas que surgem na vulva (varizes vulvares), na boceta, úteros (varizes uterinas), ooteca, glúteos e bola. São pleito de percepção de peso na região pélvica, de dor ao longo e após a correlação sexual, imoderação urinária e crescimento de sangue. São capazes de também provocar secundariamente frigidez, stress e redução de entono.


Varizes – reconhecimento


O reconhecimento é realizado mediante a história clínica do paciente, ou seja, é executado por meio da avaliação das queixas ou relatos do alucinado e pela recomendação, em singularidades do aspeto dos patas inferiores. Além disso, o pesquisa das varizes precisa ser executado a partir de um exame escolhido de eco-doppler (ultrassom vascular). Esse exame permite maquilar a estrutura e achar as veias e, também, definir qual a interferência mais adequada.


Varizes – motivos


As motivos das varizes não são totalmente conhecidas, porém pensa-se que será capaz de reverter de uma combinação de elementos genéticos e elementos relativos com o comportamento. Parece interessar uma alteração genética na estrutura da taipa e da válvula da disposição. Estas ficam com indefensabilidade, com racional volta de sangue e dilatação do vaso sanguíneo.


Alguns elementos contribuem para o agravo da enfermidade venosa como sejam: a obesidade, longas horas em pé ou assentado, a falta de treino físico, a gestação, as modificações hormonais e o envelhecimento.


Varizes – sinais


As varizes são capazes de permitir a percepção de perna cansada e pesada, de dores nas pernas, de pesar e formigamento. São similarmente sinais associados às varizes, o calor, a sarna e o inchaço nas pernas. Estas queixas são mais frequentes no estio, no final do dia e depois de longas horas na opinião de pé. Entabular alívio, preservar as pernas em posições elevadas e o utilização de água fria são considerados bons comportamentos para auxiliar a amenizar as queixas associadas às varizes. Veja mais informação em como proteger-se varizes.


Alguns doentes não apresentam sinais, porém somente vestígios. Os vestígios estão relativos com o aspeto das pernas. Dessa maneira os derrames, as próprias varizes e as modificações da pele como, a pele escura -hiperpigmentação, são exemplos de vestígios associados à enfermidade venosa.
São capazes de similarmente provocar complicações de circulação mais graves, como a trombose venosa breve (tromboflebite), feridas nos patas inferiores (ulceras venosas) e varicorragia. Uma varicorragia é uma hemorragia de uma variz que acontece no momento em que esta se rompe.

Saiba Mais: Tantos tipos de cirurgia de varizes, tantas opiniões por aí


Na tromboflebite uma das varizes encontra-se vermelha, dura e conta, por causa de à formação de um coágulo de sangue no seu interior.


As úlceras venosas são feridas juntamente aos tornozelos, provocadas pelas varizes, que demoram a cicatrizar.


Como evitar varizes?


O alucinado precisa, em primeiro lugar, aconselhar-se um médico profissional em varizes. Por se alimentar de um dificuldade genético ( sucessivo ) não há atitudes eficazes na prevenção de varizes, nem sequer remédios (comprimidos ou pomadas, por exemplo ) ou tratamentos caseiros ou naturais curativos (chás ou alimentos, por malogro ) que permitam acabar definitivamente com as varizes.


Não obstante, alguns comportamentos e medicamentos auxiliam a moderar os sinais. É sugerido, o utilização de meias de condensação (meias elásticas, tanto no volúpia feminil como masculino );

evitar estar de pé ao longo várias horas;

aumentar as pernas;

fazer treino físico de maneira legítimo e perder peso. Todos esses comportamentos precisam ser adotados na providência em que firmam um bom técnica para proteger-se e evitar o começo de varizes.


A descrição ao luz, o calor exagerado e o utilização de água quente precisa ser evitado, uma vez que agravam as queixas. Pelo contrário, o utilização de água fria ou a aplicação de cremes, gel ou loção, aliviam as queixas.

FONTE: https://www.r7.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *